Avaliação microbiológica de plantas medicinais utilizadas pelo Centro de Referência em Práticas Integrativas em Saúde de Planaltina/DF

Título

Avaliação microbiológica de plantas medicinais utilizadas pelo Centro de Referência em Práticas Integrativas em Saúde de Planaltina/DF

Autor

Sousa, Terezinha Cristina Farias de

Colaborador

Silva, Edilsa Rosa da

Descrição

O uso de plantas medicinais pela maioria da população é uma prática tradicional, sendo muitas vezes o único recurso utilizado na atenção básica da saúde. As plantas medicinais são utilizadas pela população na prevenção e/ou na cura de doenças. A identificação e a pureza de um produto fitoterápico, assim como a avaliação de seus princípios ativos e verificação da qualidade microbiológica do mesmo são procedimentos bastante importantes na obtenção de produtos de boa qualidade. O presente trabalho efetuou uma avaliação microbiológica de oito plantas medicinais (tanchagem, erva cidreira, espinheira santa, folha santa, confrei, guaco, boldo e capim santo) utilizadas in natura pelo Centro de Referência em Práticas Integrativas em Saúde (CERPIS) de Planaltina/DF, através da utilização dos indicadores microbianos Coliformes Totais (CT) e Escherichia coli, Fungos Totais (FT) e Bactérias Heterotróficas (BH). As análises foram realizadas em triplicata através da técnica do espalhamento para a determinação das unidades formadoras de colônias por grama de amostra analisada, UFC g', (FT e BH) e método cromogênico, ausência e presença, (CT e E. coli). As principais formas de preparações indicadas pelo CERPIS para as plantas medicinais selecionadas foram infusão. Os níveis de contaminação encontrados nas amostras analisadas ficaram entre 10 a 10 UFC g para Bactérias Heterotróficas e Fungos Totais. Para os indicadores CT e E.coli, apenas a tanchagem apresentou resultado positivo para Coliformes Totais. De acordo com os resultados obtidos pelo presente projeto, os valores obtidos estão dentro dos limites aceitáveis pela legislação vigente (10? UFC gʻ' para aeróbios mesófilos e 104 UFC g para fungos e leveduras), excetuando-se as amostras de tanchagem e erva cidreira.

Assunto

Aeróbios mesófilos
Coliformes totais
Fitoterapia

Data

2016

Editor

IFB Campus Planaltina

Direitos

A obra está regida pela licença pública Creative Commons. A obra continua protegida pela Lei de Direitos Autorais no 9.610, de 19 de fevereiro de 1998, sendo proibido qualquer uso da obra que não o autorizado sob esta licença ou pela legislação.

Idioma

PT

Tipo

TCC

Formato

51 p.

Fonte

043020DLJ

Identificador

Referência

Sousa, Terezinha Cristina Farias de, “Avaliação microbiológica de plantas medicinais utilizadas pelo Centro de Referência em Práticas Integrativas em Saúde de Planaltina/DF,” Biblioteca Digital de Trabalhos de Conclusão de Curso, acesso em 1 de dezembro de 2022, https://bdtcpla.omeka.net/items/show/64.