Mulheres e agroecologia: resgatando saberes sobre a menstruação diante da natureza cíclica dos ecossistemas

Título

Mulheres e agroecologia: resgatando saberes sobre a menstruação diante da natureza cíclica dos ecossistemas

Autor

Carvalho, Sofia Martins

Colaborador

Pimentel, Vânia Costa
Theodoro, Suzi Maria de Córdova Huff

Descrição

A presente pesquisa aponta para alguns marcos na história evolutiva da humanidade que retratam opressões exercidas sobre as mulheres e a natureza. Discute, em especial, a menstruação como parte do sistema cíclico do organismo feminino e a influência dos estigmas patriarcais sobre este. Aponta para o uso do fluido menstrual como um insumo para ampliar a fertilidade dos solos e, portanto, a oferta de nutrientes para as plantas. Tem como objetivo a investigação da produção de biomassa vegetal diante do uso de fluido menstrual. O procedimento metodológico utilizado compara o peso fresco (PF) de seis diferentes tratamentos com plântulas de agrião (Nasturtium officinale): A (Controle); B (adubação no substrato com solução aquosa de 0% de fluido menstrual + 2 aplicações foliar com fluido diluído a 2,5%), C (adubação no substrato com solução aquosa de 2% de fluido menstrual); D (adubação no substrato com solução aquosa de 2% de fluido menstrual + 2 aplicações foliar com fluido diluído a 2,5%); E (adubação no substrato com solução aquosa de 4% de fluido menstrual) e F (adubação no substrato com solução aquosa de 4% de fluido menstrual + 2 aplicações foliar com fluido diluído a 2,5%). Os resultados obtidos mostram que a produção de biomassa aumentou progressivamente conforme as plantas receberam maiores quantidades de fluido menstrual -- dentro do universo das diluições que foram testadas. O tratamento que apresentou massa (g) superior foi aquele onde se destinou solução com 4% do insumo no solo complementada com as aplicações via foliar com fluido diluído a 2,5%. O estudo sobre o fluido menstrual como um recurso para a ciclagem de nutrientes nos solos apresenta-se como um caminho para a retomada e/ou fortalecimento da consciência ecossistêmica das mulheres em relação ao mundo que as acolhe.

Assunto

Menstruação
Ciclagem de nutrientes

Data

2017

Editor

IFB Campus Planaltina

Direitos

A obra está regida pela licença pública Creative Commons. A obra continua protegida pela Lei de Direitos Autorais no 9.610, de 19 de fevereiro de 1998, sendo proibido qualquer uso da obra que não o autorizado sob esta licença ou pela legislação.

Idioma

PT

Tipo

TCC

Formato

67 p.

Fonte

043020DLJ

Identificador

Referência

Carvalho, Sofia Martins, “Mulheres e agroecologia: resgatando saberes sobre a menstruação diante da natureza cíclica dos ecossistemas,” Biblioteca Digital de Trabalhos de Conclusão de Curso, acesso em 8 de fevereiro de 2023, https://bdtcpla.omeka.net/items/show/65.